O misto de documentário e reality show "A Máfia dos Tigres", conta a história de Joe Exotic, autointitulado Tiger King, o rei dos tigres. O Sr. Exotic era dono de um dos maiores zoológicos de grandes felinos dos EUA. Não só isso, ele era cantor country, calma, ele também era youtuber, espera, ele também foi candidato a presidente e a governador de Oklahoma. Ah, estava esquecendo, ele também é acusado de mandar matar sua arqui-inimiga Carole Baskin, ativista dos direitos animais e dona de um santuário de grandes felinos resgatados.

Bizarro né? Isso nem arranha a superfície de como a série se desenrola. Joe Exotic é um Red Neck, homossexual, casado com 2 homens mais jovens. Ele é claramente um megalomaníaco e enquanto acompanhamos as loucuras que ele vai fazendo na frente da câmera, notamos como todas as pessoas que o cercam, são tão excêntricas quanto o próprio Exotic.

Joe não percebe que os crimes que comete, mas não apenas ele, os donos dos outros zoológicos, seus funcionários, seus maridos, parece que estamos vendo um universo paralelo. E esse é o ponto alto da série, o entretenimento. É impossível parar de assistir, cada episódio te apresenta uma faceta diferente de Joe e dos outros "personagens".  Ao chegar no fim, apesar de tudo que fez, o Tiger King gera alguma empatia dos espectadores, seria Joe apenas um homem perturbado que não tem noção da gravidade da suas atitudes, ou alguém com mania de grandeza, que se aproveita de animais e pessoas? A pergunta é difícil de responder, mas Joe conseguiu o que queria, se tornou famoso.

Máfia dos Tigres no Gato Caolho

O Lançamento dessa sexta-feira no Gato Caolho é um dos Clássicos de Joe Exotic como cantor, I Saw Tiger, confira a camiseta e o clipe da música abaixo.

Confira também a camiseta lançada hoje!

www.gatocaolho.com.br/tiger-king